Incríveis Mansões Abandonadas Que Ainda Estão De Pé

PUBLICADO EM 04/01/2021
ANÚNCIO

As construções que você vai ver em seguida já foram grandiosas e alegres mansões habitadas por famílias, com diversos móveis caros e decoração extremamente sofisticada. Elas eram lindas e super caras. No entanto, agora essas mansões estão abandonadas, elas pararam no tempo. Ao invés de serem passadas de geração em geração ou virarem monumentos, museus ou até mesmo hotéis luxuosos, essas mansões foram abandonadas, na maior parte do tempo devido a algum segredo obscuro e misterioso ou até mesmo o segredo de um drama familiar. Confira a lista abaixo:  é como espécie de viagem no tempo. Veja bem, cada uma das grandes casas tem um fascinante passado para revelar. Veja com os seus próprios olhos!

Incríveis Mansões Abandonadas Que Ainda Estão De Pé

Incríveis Mansões Abandonadas Que Ainda Estão De Pé

Gbadolite, República Democrática do Congo – Palácio de Bambu

O Palácio de Bambu é apenas uma pequena parte do complexo palaciano que Mobutu Sese Seko, o antigo presidente do Zaire (agora República Democrática do Congo), construiu para si mesmo durante os anos 1970. O complexo construído na cidade de Gbadolite custou cerca de 100 milhões de dólares amerinaos e ficou conhecido como “Versalhes Na Floresta”. Ele construiu três residências separadas nesse complexo, igualmente ornamentadas e elaboradas, incluindo o Palácio de Bambu. Todas eram cheias do luxuoso mármore de Carrara, douração e mobília no estilo Luís XVI  rei da França. Elas também tinham caros lustres de Murano e pinturas dos consagrados pintores tais como  Renoir e Monet.

Gbadolite, República Democrática do Congo - Palácio de Bambu

Gbadolite, República Democrática do Congo – Palácio de Bambu

Estilo De Vida Excêntrico

O Palácio de Bambu precisava de cerca de 700 funcionários para suprir as suas necessidades e cumprir os caprichos do presidente e de sua família, que eram conhecidos por seu estilo de vida extravagante. De fato, o presidente construiu um aeroporto perto de sua casa para que ele e a sua esposa, Marie-Antionette, pudessem viajar para Paris sempre que queriam fazer compras. Mobutu até chegou a construir um palácio que era uma pequena réplica da Cidade Proibida em Pequim. Seu palácio se chamava Palácio de Peking e era usado para retiros familiares, e também como um local para receber importantes hóspedes tais como estrangeiros e nobres.

Estilo De Vida Excêntrico

Estilo De Vida Excêntrico

O Melhor Passatempo

Mobutu e a sua família tinham um estilo de vida tão extravagante e gostavam tanto de entreter seus hóspedes que até mesmo tinha um clube noturno dentro do complexo, em Gbadolite. O local tinha luxuosas paredes vermelhas e um bar sempre estocado com as mais caras bebidas e os mais antigos vinhos e champanhes do mundo inteiro, é claro. Os seus hóspedes também podiam desfrutar de diversas grandiosas piscinas, várias casas de hóspedes luxuosas e um hotel cinco estrelas onde importantes políticos podiam se hospedar durante visitas ao país.

O Melhor Passatempo

O Melhor Passatempo

Declínio Inesperado

Foi em maio do ano de 1997, quando Mobutu foi deposto por desviar aproximadamente 15 bilhões de dólares americanos. Logo depois de ser removido do gabinete, ele fugiu para o Marrocos, onde morreu naquele mesmo ano. O Palácio de Bambu, assim como os outros palácios no complexo em Gbadolite, foram saqueados assim que Mobutu foi deposto. Todas as pinturas caras, lustres, e materiais da construção foram destruídos ou até mesmo roubados. O Palácio de Bambu está abandonado e está em ruínas desde então, e foi completamente tomado pela mata que cresceu no local sem que ninguém cuidasse.

Declínio Inesperado

Declínio Inesperado

Celles, Bélgica – Château Miranda

O Château Miranda em Celles, fica localizado na Bélgica e tem a mesma aparência que um castelo abandonado poderia ter. Essa mansão neogótica foi construída durante o ano de 1866 e tem uma aparência assustadora e ameaçadora, especialmente agora, uma vez que ela está abandonada faz um tempo. Essa mansão foi construída para a família Liedekerke-Beaufort, uma família aristocrata belga, e desenhada pelo arquiteto inglês Edward Milner. O Château Miranda foi construído logo depois da família perder as suas residências nobres no Château de Vêves durante a Revolução Francesa.

Celles, Bélgica - Château Miranda

Celles, Bélgica – Château Miranda

Resultados De Guerra

Logo depois da família Liedekerke-Beaufort se estabelecer no Château Miranda, a mansão foi ocupada pelos nazistas durante a Segunda Guerra, forçando-os a sair de sua casa mais uma vez. Logo em seguida, com o fim da Segunda Guerra Mundial, o Château Miranda foi utilizado para diferentes fins com o passar dos anos, entre eles: colônia de férias, orfanato, e escola. Foi no ano de 1950 que o local foi renomeado Château de Noisy e foi, por fim, abandonado no ano de 1991 devido aos caríssimos custos de manutenção do local.

Resultados De Guerra

Resultados De Guerra

Tempos Difíceis

Desde que foi abandonado, o Château Miranda passou por tempos bastante complicados. Além de sido por constantemente negligenciado desde o ano de 1991, o local também foi alvo de vandalismo. Além de também ter sido vítima de inúmeros acidentes que deixaram marcas na mansão. Por exemplo, um grande incêndio no ano de 1995 e uma estranha tempestade que destruiu seu telhado no ano de 2006. No entanto, no ano de 2016, uma década após a tempestade, o construtor Luc Lavroff decidiu desmontar o Château Miranda e reconstruí-lo na Espanha. Então, ele colocou seu ambicioso plano em prática imediatamente.

Tempos Difíceis

Tempos Difíceis

Guinada Infeliz

No entanto, em uma trágica reviravolta, Lavroff teve que sair do acordo em fevereiro do ano de 2017 depois de ser diagnosticado com câncer. Assim que fez isso, o destino do Château Miranda, que já tinha sido parcialmente desmontado, foi deixado nas mãos de uma empresa de demolição chamada Castignetti. A empresa Castignetti não conseguiu encontrar sequer um comprador e, por fim, decidiu que a sua única opção seria demolir o Château Miranda. A mansão abandonada foi completamente destruída em outubro do ano de 2017, colocando um ponto final na sua história de longa data.

Guinada Infeliz

Guinada Infeliz

Roscoe, EUA – Castelo Dundas

O Castelo Dundas fica localizado entre as Montanhas Catskill no estado de Nova York e é conhecido por diferentes nomes, como Craig-E-Clair e “Castelo da Tristeza.” O nome Castelo da Tristeza vem da longa e triste história do casarão. Na realidade, a triste história do Castelo Dundas teve início em sua encomenda durante os anos 1910, por Ralph Wurts-Dundas, um homem rico que morava em Nova York. Ele jamais viu a sua mansão completa, uma vez que morreu no ano de 1921, antes do fim da construção.

Roscoe, EUA - Castelo Dundas

Roscoe, EUA – Castelo Dundas

Tragédia Máxima

Logo depois da morte de Wurts-Dundas, a sua viúva, Josephine, herdou a propriedade, mas foi internada em um hospital psiquiátrico um ano depois. A essa altura, a construção do Castelo Dundas estava pela metade e a filha de Ralph e Josephine, Murial, acabou por herdar a propriedade. Murial acabou sendo enganada e se mudou para a Inglaterra sem esperar que a construção da mansão estivesse terminado. Na Inglaterra, a sua saúde mental foi ladeira abaixo e o Castelo Dundas permaneceu inacabado, apesar de todo o trabalho que já havia sido feito até aquele momento.

Tragédia Máxima

Tragédia Máxima

Novos Donos

Logo que Murial Wurts-Dundas faleceu, a sua herança vendeu o inacabado Castelo Dundas, no ano de 1949. O próximo dono da mansão foi a Maçonaria Prince Hall, que usou a casa como acampamento de férias e retiro maçônico para o seu grupo. A Maçonaria Prince Hall usou o Castelo Dundas até os anos 1970. Durante aquela época, o grupo abandonou a propriedade – que permanece vazia e inacabada por mais de quatro décadas, até os dias de hoje.

Novos Donos

Novos Donos

Mal Assombrado

Nos dias de hoje, o Castelo Dundas faz parte do Registro Nacional de Lugares Históricos dos Estados Unidos da América. Ainda que permaneça abandonado e inacabado, o castelo está sendo cuidado por um encarregado. O encarregado também protege a propriedade de invasores, uma vez que a entrada do público é proibida. Veja bem, acredita-se que o fantasma de Josephine Wurts-Dundas assombra a mansão abandonada. Algumas pessoas também dizem que o Castelo Dundas é tão assustador que as lagoas na propriedade viram sangue durante a lua cheia.

Mal Assombrado

Mal Assombrado

Sainte-Croix-aux-Mines, França – Château Burrus

O Château Burrus em Sainte-Croix-aux-Mines, está localizado na França eé uma bela e grandiosa mansão neobarroca construída durante os anos 1900 para Jules Burrus, um filantropo e magnata do tabaco. No ano de 1911, o filho de Jules Burru, Marcel, herdou o Château Burrus. Até a Primeira Guerra, Marcel foi o único outro proprietário do Château Burrus, no entanto os efeitos de ambas as guerras o levaram a passar as próximas décadas perdendo e recuperando a propriedade inúmeras vezes.

Sainte-Croix-aux-Mines, França - Château Burrus

Sainte-Croix-aux-Mines, França – Château Burrus

Idas e Vindas

Marcel, herdeiro Jules Burru, magnata do tabaco, originalmente perdeu a sua mansão durante a Primeira Guerra, uma vez que não deu cigarros de graça ao exército alemão. Assim sendo, como punição, o exército alemão requisitou a propriedade. Marcel, então, fugiu para a Suíça – que era um território neutro. Logo depois do fim da Primeira Guerra Mundial, Marcel retornou para casa e recuperou o Château Burrus. Entretanto, durante a Segunda Guerra Mundial, a mansão foi confiscada pela segunda vez desta vez pelos alemães, que a usaram como um centro de treinamento para os oficiais da SS.

Idas e Vindas

Idas e Vindas

À Venda Por Décadas

Marcel fugiu e se escondeu na cordilheira dos Pireneus até o fim da Segunda Guerra Mundial. No momento em que a Guerra chegou ao fim, ele recuperou o Château Burrus novamente no ano de 1945 e permaneceu sendo o proprietário da mansão pelo resto de sua vida. Marcel faleceu no ano de 1959. O Château Burrus foi vendido a uma ordem religiosa logo depois de sua morte e permaneceu nas mãos da organização até o começo dos anos 1990, no momento em que a propriedade foi colocada à venda mais uma vez. Desde então, ela permanece vazia e abandonada.

À Venda Por Décadas

À Venda Por Décadas

A Esperança Ainda Existe

O Château Burrus também foi chamado de Château Lumierem. O apelido faz referência a todos os quartos da mansão cheios de luz natural, uma vez que existem as grandes janelas. Desde que foi colocada à venda durante os anos 1990, a mansão abandonada permaneceu intacta, exceto por alguns atos de vandalismo, e completamente sem manutenção. Mesmo assim, ainda existe esperança, uma vez que a mansão ainda tem potencial. Uma bela reforma poderia transformar a propriedade em um lar iluminado e próspero mais uma vez!

A Esperança Ainda Existe

A Esperança Ainda Existe

Estado de Nova York, EUA – Mansão Misteriosa

Essa mansão abandonada é extremamente enigmática. Os seus detalhes, como seu nome e localização, são desconhecidos ou até então não foram revelados. Pois bem, tudo o que nós sabemos é que essa mansão fica localizada no estado de Nova York a somente alguns quilômetros da cidade de Nova York, no entanto não se sabe exatamente onde fica ou como chegar até ela. Bryan Sansivero, um famoso fotógrafo de construções abandonadas, fotografou essa intrigante mansão no ano de 2016, mostrando o interior dessa casa incógnita abandonada que costumava ser o lar de alguém.

Estado de Nova York, EUA - Mansão Misteriosa

Estado de Nova York, EUA – Mansão Misteriosa

Puro Mistério

Poucos fatos são conhecidos sobre essa mansão tão misteriosa. Pois bem, nós sabemos que a casa abandonada possui 57 quartos e foi construída durante os anos 1930. O seu proprietário original era conhecido por comprar grandes e luxuosas casas e depois abandoná-las aleatoriamente, as deixando danificar. E foi exatamente isso que o proprietário original fez com essa misteriosa mansão – e ela permanece abandonada desde o ano de 1976. Com evidências da vida do proprietário pela casa, essa mansão abandonada está parada no tempo como em um cenário de um filme de terror.

Puro Mistério

Puro Mistério

Congelado No Tempo

Por algum motivo desconhecido, o proprietário original também deixou a maior parte de seus móveis, luminárias, e pertences para trás – onde permanecem há décadas. Com o passar dos anos, o pó foi se acumulando em cada superfície e a qualidade dos pertences abandonados deteriorou ou estragou. Ao olhar pela janela dessa mansão misteriosa você perceberá que existe uma lareira de mármore, lustres de cristal, sofás antigos, e pianos de cauda – itens caros e extremamente preciosos que a maioria das pessoas levaria com elas quando fosse embora. E isso é somente na sala de estar. Imagine nos outros cômodos!

Congelado No Tempo

Congelado No Tempo

Misteriosamente Em Boa Forma

Assim como as diversas estruturas abandonadas, infelizmente essa mansão misteriosa tem sido sujeita ao vandalismo. É possível ver pichações em diversas das suas paredes, tinta descascando pela casa inteira, além de muitas janelas quebradas. Mesmo que as janelas quebradas deixem os elementos da natureza entrar na casa – bem como a neve no chão vista na foto – essa misteriosa mansão ainda parece estar em excelente forma. Quem sabe uma reforma e restauração também sejam suficientes para ajudar esse lar abandonado!

Misteriosamente Em Boa Forma

Misteriosamente Em Boa Forma

Kościelniki Górne, Polônia – Palácio de Kościelniki Górne

O Palácio de Kościelniki Górne fica localizado em Kościelniki Górne, na Polônia, na Voivodia da Baixa Silésia. Essa província é, na realidade, conhecida por ser cheia de mansões abandonadas, então fica claro que esse palácio estaria nessa lista! Esse Palácio de Kościelniki Górne foi construído durante o século XVIII e foi chamado de Schloss Ober Steinkirch antes da Segunda Guerra Mundial. Antes de a guerra modificar as fronteiras nacionais, o Palácio de Kościelniki Górn era tecnicamente localizado na Alemanha!

Kościelniki Górne, Polônia - Palácio de Kościelniki Górne

Kościelniki Górne, Polônia – Palácio de Kościelniki Górne

Exploração Urbana

O Palácio de Kościelniki Górne foi explorado pelo Broken Window Theory, um grupo dedicado à exploração urbana, no início do ano de 2019. No momento em que eles começaram a explorar a mansão abandonada, perceberam que a casa estava em péssimas condições e tiraram essas fotos para comprovar. Logo antes da Segunda Guerra Mundial, quando a província onde fica localizado o Palácio de Kościelniki Górn ainda fazia parte da Alemanha, os habitantes da casa eram a família von Carnaps. A família foi despejada no ano de 1945.

Exploração Urbana

Exploração Urbana

Destruído Pela Guerra

Logo depois que a família von Carnaps foi despejada, o governo polonês tomou posse do Palácio de Kościelniki Górne. Foi então que eles converteram o palácio em apartamentos e escritórios para serem utilizados pela organização estadual de exploração agrícola. No inícoo dos anos 1990, após a ruptura da União Soviética, o Palácio de Kościelniki Górne foi abandonado pelo governo polonês. O palácio permaneceu abandonado até uma construtora comprar a propriedade no ano de 2014 com o objetivo de transformá-la em um centro de reabilitação ou ainda um retiro artístico.

Destruído Pela Guerra

Destruído Pela Guerra

Fim Da Reforma

A construtora começou a reforma do Palácio de Kościelniki Górne logo depois de comprá-lo no ano de 2004, mas teve que parar durante o ano de 2008 após o governo polonês e as autoridades interromperem a renovação, uma vez que a construtora não tinha os documentos necessários. O palácio permanece abandonado desde então. Depois de ser abandonado, o Palácio de Kościelniki Górne começou a desmoronar. O luxuoso palácio nos dias de hoje se encontra em ruínas. Vários vândalos e invasores também tiveram o seu papel na destruição do local.

Fim Da Reforma

Fim Da Reforma

Rochelle Park, EUA – Captain William Tyson House

A Captain William Tyson House está localizada em Rochelle Park no condado de Bergen, Nova Jersey, Estados Unidos da América. A mansão foi construída durante o ano de 1864 para o Capitão William Tyson e para a sua família. O Capitão era um rico marinheiro da época. A Captain William Tyson House possui 17 cômodos grandes e foi construída em um luxuoso estilo italiano datado do século XIX. Com toda certeza, é uma das últimas casas construídas nesse estilo da área.

Rochelle Park, EUA - Captain William Tyson House

Rochelle Park, EUA – Captain William Tyson House

Em Boa Forma

Mesmo que ocorreu desgaste devido ao uso, a Captain William Tyson House ainda apresenta várias de suas características originais do estilo italiano do século XIX. A casa histórica continua firme, mesmo que tudo tenha se desbotado, e nos dias de hoje tem a aparência de uma casa mal-assombrada. Embora a casa esteja em boa forma e mantenha diversas de suas características originais, um erro de conservação histórica foi cometida na Captain William Tyson House no momento em que o exterior do palacete foi consertado com telhas artificiais dos anos 1950!

Em Boa Forma

Em Boa Forma

Município Herói

Devido à sua aparência deteriorada, a Captain William Tyson House foi colocada na lista das “10 propriedades históricas sob ameaça de deterioração” pela organização Preservation New Jersey. No ano de 2015, o município de Rochelle Park comprou a mansão abandonada no intuito de restaurá-la. Mesmo assim, em vez de dar vida à casa abandonada e restaurar seu interior, o Município de Rochelle Park levou a casa a leilão em agosto do ano de 2019. Isso ocorreu graças às mudanças de membros do comitê daquele município.

Município Herói

Município Herói

Ou Não…

Ainda que o seu plano original fosse restaurar e preservar a casa, o Município de Rochelle Park acabou removendo as restrições que garantiriam que ao novo proprietário da casa o dever de preservar a Captain William Tyson House ao colocá-la em leilão. Isso não agradou muito a sociedade histórica local e o município considerou impedir que a casa fosse demolida. Mesmo assim, tudo isso foi em vão, uma vez que ninguém comprou a casa no leilão. A mansão continuará à venda em leilão até que seja comprada.

Ou Não...

Ou Não…

Castétis, França – Château des Trois-Poètes

O Château des Trois-Poètes fica localizado em Castétis, um vilarejo no sudeste da França. A mansão tem um nome muito romântico, que significa “castelo dos três poetas”. O três poetas, a quem o no nome do castelo se refere, são os famosos poetas que viviam nas proximidades do local: Francis Jammes, Alfred de Vigney e Alphonse de Lamartine. Tendo sido construído durante o ano de 1600, o Château des Trois-Poètes tem mais de 400 anos de existência!

Castétis, França - Château des Trois-Poètes

Castétis, França – Château des Trois-Poètes

Vínculos De Família

O Château des Trois-Poètes foi o lar da família Nays-Candau por um longo tempo. Os Nays-Candau eram uma nobre família francesa que passava o castelo de herança para suas novas gerações para que a propriedade sempre continuasse dentro da família. Ainda assim, Mademoiselle de Sailly foi a última Nays-Candau a viver na mansão e a ser proprietária do château. Ela era descendente dos membros da família original. Mademoiselle de Sailly saiu do Château des Trois-Poètes na metade do século XX.

Vínculos De Família

Vínculos De Família

Grandes Planos

Depois de Mademoiselle de Sailly deixar o Château des Trois-Poètes no meio do século XX, o castelo foi utilizado como hotel até o ano de 1988, no momento em que foi transformado em uma casa de repouso e chamado de “Maison de Retraite”. A casa de repouso acabou sendo fechada no ano de 2000 e o Château des Trois-Poètes permanece vazio desde então. Hoje em dia, duas décadas depois, a casa está completamente deteriorada e em ruínas.

Grandes Planos

Grandes Planos

Território Sombrio

Nos dias de hoje, a propriedade parece o cenário de um filme de terror. A pintura das paredes está descascando, existem móveis antigos apodrecendo e deteriorando em diversos cômodos, e ainda existem até cadeiras de rodas antigas descartadas em vários corredores – desde a época em que foi uma casa de repouso! As autoridades locais afirmam que está nos planos a restauração do château para a sua antiga glória, mesmo assim, infelizmente, nada foi feito. O Château des Trois-Poètes continua vazio e abandonado, se deteriorando mais a cada dia que passa.

Território Sombrio

Território Sombrio

Evanston, EUA – Mansão de Harley Clarke

A Mansão de Harley Clarke foi construída no estilo eclético no topo de uma colina e tem uma aparência sinistra. A parte de trás da propriedade tem vista para o Lago Michigan e fica localizada nos Estados Unidos da América.

Evanston, EUA - Mansão de Harley Clarke

Evanston, EUA – Mansão de Harley Clarke

A Grande Depressão

A assustadora Mansão de Harley Clarke é feita de calcário e tem 16 grandes cômodos. A sua incrível localização, bem ao lado do Lago Michigan, fez com que a casa provocasse inveja a todos os seus vizinhos. Harley Clarke viveu na mansão por mais de 20 anos até o ano de 1949, no momento em que foi vítima da Grande Depressão. Assim como outras pessoas ricas da época, ele foi obrigado a vender sua mansão. A república Sigma Chi foi a compradora da propriedade.

A Grande Depressão

A Grande Depressão

Da Arte Para O Abandono

A república Sigma Chi utilizou a Mansão de Harley Clarke até o ano de 1964, quando a organização vendeu a casa à Câmara Municipal de Evanston, Illinois. Eles renovaram a mansão e a transformaram no Centro de Arte de Evanston. A Mansão de Harley Clarke permaneceu como centro de arte até que no ano de 2015 o Centro de Arte de Evanston se mudou para outro local. A mansão foi deixada vazia e nos dias de hoje se encontra abandonada desde então. Desde aquela época, a casa já tinha demonstrado sinais de deteriorização e de que precisava ser restaurada.

Da Arte Para O Abandono

Da Arte Para O Abandono

E Agora?

Veja bem, de fato, a Mansão de Harley Clarke quase foi demolida nno anoo de 2018. No entanto o Comitê de Preservação de Evanston salvou a propriedade de ser destruída por completo quando votou em unanimidade para impedir que a Câmara Municipal de Evanston tivesse permissão para demolir a propriedade.Nos dias de hoje, o Comitê de Preservação de Evanston está recebendo propostas de organizações sem fins lucrativos sobre o futuro da propriedade. Organizações como a Evanston Community Lakehouse & Gardens (ECLG) tiveram até fevereiro de 2020 para enviar suas propostas e ter a chance de salvar o casarão histórico e tão importante.

E Agora?

E Agora?

Abergele, Reino Unido – Kinmel Hall

O Kinmel Hall está localizado em Abergele, no Reino Unido. Assim como o Palácio de Bambu, o Kinmel Hall foi apelidado de “Versalhes Na Floresta”. E emesmo que ambas as mansões tenham sido abandonadas, o Kinmel Hall não se enconta em condições tão ruins quanto o palácio de Mobutu. O Kinmel Hall foi construído durante os anos 1870. Com 365 cômodos, ela é uma “casa calendário”, tendo um quarto para cada dia do ano. Ainda por cima, um dos cômodos era usado para passar jornais a ferro!

Abergele, Reino Unido - Kinmel Hall

Abergele, Reino Unido – Kinmel Hall

Grande Mansão, Longa História

O proprietário original da casa, Hugh Robert Hughes, era um magnata do cobre que conquistou seu nome HRH graças à sua vida luxuosa e majestosa. Desde a construção da mansão para Hugh e sua família, várias famílias viveram no Kinmel Hall através dos anos e serviu de casa particular pela última vez no ano 1929. No ano de 1929, o Kinmel Hall foi leiloado e convertido em colégio para meninos. Mais tarde, serviu como casa de repouso militar durante a Segunda Guerra Mundial e então se tornou a escola para meninas Clarendon School for Girls. A escola se mudou para outro local no ano 1975  e logo depois de um incêndio e o empresário Eddie Vince comprou a propriedade, transformando-a em um centro de conferências cristão.

Grande Mansão, Longa História

Grande Mansão, Longa História

Nada Barato

Desde então, tiveram muitos planos de tornar o Kinmel Hall em um hotel de luxo, mas nada deu certo. De fato, um comprador, que até os dias de hoje permanece em anonimato, comprou a mansão no ano de 2011 pelo exorbitante valor de 1,9 milhão de dólares americanos e revelou os seus planos de transformá-la em um hotel em 2012. No entanto, mesmo depois de revelar a sua porposta, o novo proprietário nunca pôs em prática os seus planos de reformar o Kinmel Hall. A mansão abandonada está cada dia que passa, mais destruída.

Nada Barato

Nada Barato

Em Ruínas

No ano de 2015, o Kinmel Hall entrou para a lista das “10 propriedades históricas sob ameaça de deterioração” da Victorian Society, uma vez que o seu interior e exterior estavam em decomposição. A grande mansão está em ruínas já  fazem anos. O misterioso proprietário da mansão agora vive nas Ilhas Cayman e deixou o Kinmel Hall para trás sem planos de restaurá-lo. Estima-se que o custo de restaurar a grande mansão histórica seria de aproximadamente 25 milhões de dólares americanos.

Em Ruínas

Em Ruínas

Chattanooga, Tennessee, EUA – Swingers’ Tiki Palace

Esse é um dos lugares mais macabros e interessantes de todo o mundo. O Swingers’ Tiki Palace foi construído pelo magnata dos clubes de strip-tease Billy Hull no ano de 1972 e foi abandonado depois de seu proprietário ser preso. Esse local ficou aberto por somente um ano antes que Hull tivesse problemas com a lei: aparentemente, ele contratou um assassino para matar o amante de sua esposa. Ele se declarou culpado por desvio fiscal e passou 20 anos na cadeia. Logo depois de ser condenado por organizar o assassinato, Hull foi obrigado a deixar seu palácio de 520 metros quadrados para trás. Infelizmente, a mansão tem sido alvo de vândalos, que quebram os restos da casa e picham as paredes de mármore. Esses são os restos da piscina, um local que só serviu, rapidamente, como local festivo. Fato interessante: a piscina tinha o formato da cabeça de um coelho, e as orelhas eram túneis que levavam aos quartos de hóspedes. O fotógrafo, de Birmingham, Alabama, ouviu falar sobre o Tiki Palace através de um amigo e decidiu aproveitar a oportunidade de fotografar o interior macabro dessa mansão que nos dias de hoje se encontra abandonada.

Chattanooga, Tennessee, EUA - Swingers' Tiki Palace

Chattanooga, Tennessee, EUA – Swingers’ Tiki Palace

ANÚNCIO